top of page
  • G1

PIB cresce 0,1% no terceiro trimestre deste ano


O Produto Interno Bruto Brasileiro - PIB subiu 0,1% no terceiro trimestre deste ano. Os dados sobre o desempenho da economia até setembro foram divulgados nesta sexta (1) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE.

O resultado do PIB é baixo: 0,1% no terceiro trimestre em relação ao trimestre anterior. Apesar disso, o resultado se manteve positivo. E já é o terceiro trimestre seguido que isso acontece. Outro dado que mostra que a economia está de fato melhorando é que na comparação com o terceiro trimestre do ano passado, a alta do PIB é consistente, de 1,4%. Indústria (0,8%) e serviços (0,6%) foram importantes nessa retomada.

O consumo das famílias continua crescendo (1,2%) e isso já teve reflexos no comércio, com alta de 1,6%. As lojas estão mais cheias e os consumidores mais confiantes na hora de comprar.

“As pessoas têm tido uma melhora financeira sim, por isso a gente conseguiu aumentar um pouco as vendas”, diz o empresário Leonardo Belaciano.

“A gente teve uma queda do endividamento das famílias, a gente tem uma queda sistemática da taxa de inflação, também contribuindo positivamente a queda da taxa de juros e também a volta, a retomada do crédito voltado especificamente para as famílias. Então tudo contribuiu positivamente para o crescimento das famílias e impactou positivamente o comércio, que foi a atividade econômica com maior destaque nesse trimestre”, diz a coordenadora de contas nacionais do IBGE, Rebeca de La Rocque Palis.

Outro fator que impactou positivamente o PIB deste trimestre foi a recuperação dos investimentos (1,6%), que registrou a primeira alta desde o terceiro trimestre de 2013. Por outro lado, segundo o IBGE, a grande responsável pelo PIB não ter crescido mais foi a agropecuária, que veio negativa pela segunda vez seguida, com -3%.

Investimentos voltam a crescer após quatro anos e indústria se recupera Segundo o IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, os investimentos voltaram a crescer no país no terceiro trimestre desse ano em relação ao segundo. E a indústria cresceu 0,8%.


3 visualizações0 comentário
bottom of page