top of page
  • Foto do escritorAndre Martins

Briga pelo comando do SINPROESEMMA mantêm greve dos professores



Líderes opositores à atual direção do sindicato da categoria continuam mantendo a greve, hoje (30), por exemplo um grupo de manifestantes voltou a interditar a entrada da ALEMA. Isso com o objetivo de chamar a tenção dos parlamentares.


O TJ por unanimidade decidiu pela ilegalidade da greve, mesmo assim o momento continua. O grande problema é o conflito interno dentro da entidade sindical; hoje por exemplo um manifesto enfrente a Assembleia, em seu discurso declarou, “Raimundo Oliveira, pensa que pode decidir por nossa categoria”. Como se pode ver o movimento tem ligação com a relação do comando sindical.


A justiça determinou a imediata volta dos professores, os contratados estão voltando, mas os efetivos, estes continuam. O MP (Ministério Público),por exemplo entende que os 11% oferecidos pelo Governo é na verdade o limite do Orçamento e da lei de responsabilidade fiscal.


Em 2021, o MEC concedeu 33% e o governo do Maranhão concedeu 8% e não houve qualquer movimento, sem falar na progressão, aí fica a pergunta por que então não aconteceu manifestações?

22 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page