top of page
  • Foto do escritorAndre Martins

Felipe Camarão faz apelo aos professores para que retornem as salas de aulas



Ontem terça-feira (21), aconteceu mais uma audiência, envolvendo representantes do Estado, e dos professores representados pelo SINPROESEMMA, audiência intermediada pela promotoria de Educação. Neste encontro houve mais uma proposta apresentada pelo governo com objetivo de encerrar de uma vez por toda o movimento grevista.


O governo que já havia feito três proposta as quais não aceita pelos mestres, fez então a quarta e desta vez 11%, retroativo a janeiro a primeira parcela e a segunda em julho, com

Progressão e vantagens o Sindicato prometeu levar à proposta aos professores e dar uma resposta até sexta-feira (24), para que na próxima segunda-feira as aulas recomecem. Ao todo são mais de 300 mil alunos em todo Maranhão que estão sendo prejudicados.


Na manhã desta quarta-feira (22), estudantes da rede pública Estadual, estiveram fazendo manifestação, reclamando que já estão há um mês sem aulas, eles fizeram caminhadas com palavras de ordem e foram até a porta do Palácio dos Leões, sede do governo.


“Hoje (21) de março, terça-feira tivemos mais uma reunião, na presença do Ministério Público, com o Sindicato dos professores. Já foram quase 10 reuniões, já fizemos propostas de 8,10,11% parcelados em três vezes, e hoje, finalmente, chegamos a uma proposta de 11%, parcelado em duas vezes, com retroativo e progressões e também com titulações, ”declarou o Vice-Governador e Secretário de Educação Felipe Camarão.

Agora resta aguardar a decisão que os professores irão tomar ,e, claro torcer para essa greve chegar ao fim e os estudantes voltarem às escolas.

Comments


bottom of page