top of page
  • Foto do escritorAndre Martins

Prefeitura abre programação de aniversário de 411 anos de São Luís na sexta (1°)


“São Luís em poesia, canções para Gonçalves Dias" é o nome do espetáculo que vai abrir a programação da Prefeitura de São Luís que celebra os 411 anos de fundação da capital maranhense. O evento será nesta sexta-feira (1°), a partir das 19h, em frente ao Palácio La Ravardière, cuja fachada estará decorada em homenagem ao poeta maranhense que, este ano, celebra seu bicentenário de nascimento.

Com a participação de nove artistas locais, o espetáculo “São Luís em poesia, canções para Gonçalves Dias” reúne música e teatro para que, ao tempo em que ressalta as belezas da cidade, também relembra a vida e a obra do escritor maranhense, considerado um dos grandes expoentes do romantismo brasileiro.

“Este espetáculo é o início de uma grande programação pensada de forma a celebrar nossa cidade em seus 411 anos. Preparamos uma variedade de shows voltados para todos os públicos e a primeira noite será de homenagens a São Luís e ao grande poeta maranhense Gonçalves Dias. A seguir, no palco montado na Praça Maria Aragão, daremos seguimento à programação cultural que é sempre tão aguardada por nossa população”, destacou o prefeito Eduardo Braide.

O espetáculo tem idealização do secretário municipal de Cultura, Marco Duailibe; direção teatral e roteiro de Tedd Mac; direção musical de Renato Serra e direção coreográfica de Thayná Matarazzo.

Integram o repertório as músicas “São Luís Terra de Tambor”, interpretada por Anastácia Lia; “Ilha Magnética”, na voz de Fátima Passarinho; “São Luís Ilha do Amor”, com Guilherme Jr; “De Teresina a São Luís”, cantada por Ruam Duanny; “São Luís Ilha Jamaica”, na voz de Luciana Pinheiro; “São Luís de Coração”, com Alessandro Batista; “Namorada do Sol”, interpretada por Adriana Bosaipo; “I Juca Pirama”, com o cantador e amo do Boi de Morros, Lobato; “Ilha Bela”, com George Gomes. Ao final, todos subirão ao palco para entoarem o hino da cidade, “Louvação a São Luís”, cuja letra é do poeta Bandeira Tribuzi.

Para imprimir uma dinâmica diferenciada à apresentação, atores interpretando Gonçalves Dias, sua musa inspiradora Ana Amélia e outros personagens que fizeram parte da vida do poeta subirão ao palco, intercalando com as apresentações musicais, para levar à plateia fatos que marcaram a trajetória do autor de “Canção do Exílio”.

Para compor o cenário do espetáculo, a fachada do Palácio La Ravardière recebe uma decoração especial que permanecerá durante todo o mês de setembro, com grandes painéis que representam lombadas de livros com nomes de obras e imagens de Gonçalves Dias.

“Esta é uma forma que a gestão do prefeito Eduardo Braide encontrou de homenagear a cidade no seu aniversário de 411 anos e, ao mesmo tempo, celebrar Gonçalves Dias em um espetáculo que promete emocionar a todos que vierem assistir, abrindo com chave de ouro a nossa extensa programação que segue nos próximos dias”, concluiu o titular da Secretaria Municipal de Cultura (Secult), Marco Duailibe.


5 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page