top of page
  • Andre Martins

Prefeitura de Itapecuru consegue decisão em favor dos moradores do Residencial Milton Amorim

Foto: divulgação -cerimônia de inauguração do Residencial Milton Amorim. 2021

O Município de Itapecuru-Mirim conseguiu uma decisão na Justiça, em favor das famílias que vivem no conjunto habitacional Residencial Milton Amorim, onde existem 1.440 casas.


A obra é Federal. E, a partir dessa iniciativa do município, sob a gestão do prefeito Benedito Coroba, foi dada uma liminar que obriga o Banco do Brasil e a Techmaster Engenharia a realizarem várias obras de reparação de danos.


O conjunto habitacional foi entregue com graves problemas estruturais. E hoje os moradores sofrem com vazamentos de esgoto, entupimento de tubulações, rachaduras nas paredes e infiltrações.


A decisão judicial, proferida pela Juíza de Direito Titular da 1ª Vara da Comarca de Itapecuru-Mirim, Jaqueline Rodrigues da Cunha, foi concedida após uma ação civil pública movida pelo Município, que apontou as responsabilidades pelos problemas existentes.


O Banco do Brasil foi o agente financeiro responsável pelo repasse de recursos para a obra, enquanto a empresa Techmaster foi a construtora contratada para realizá-la.

Com a decisão liminar obtida na Justiça, o Banco do Brasil e a Techmaster Engenharia serão obrigados a promover as obras necessárias para sanar os problemas, garantindo a qualidade de vida dos moradores.


Ambos terão que fazer reparos e solucionar problemas existentes no sistema de saneamento básico, fechar as crateras nas ruas, corrigir os dutos para escoamento das águas das chuvas e realocar as famílias mencionadas no Relatório Social, elaborado pela Secretaria Municipal de Assistência Social.


Foto: divulgação- cerimônia de inauguração do Residencial Milton Amorim- 2021

A gestão do prefeito de Itapecuru-mirim, Benedito Coroba, segue acompanhando o caso de perto, cobrando para que as empresas cumpram a determinação judicial e, assim, para que os moradores do Conjunto Milton Amorim possam ter moradia digna.


Fonte: Prefeitura de Itapecuru-Mirim

Comments


bottom of page