top of page
  • Foto do escritorAndre Martins

Prefeitura de São Luís intensifica combate ao mosquito Aedes aegypti




A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), está intensificando a prevenção e o combate às arboviroses, doenças causadas pelo vírus transmitido pelo mosquito Aedes aegypti. Em toda a cidade estão sendo realizadas ações de visita domiciliar e tratamento de depósitos, mutirões de limpeza, pesquisa larvária em pontos estratégicos e nebulização espacial, entre outras iniciativas.

Diariamente os agentes de endemias fazem visitas a residências e imóveis comerciais para inspecionar locais que possam ter condições favoráveis à proliferação do mosquito, além disto, eles orientam a população sobre a adoção de hábitos que impeçam a formação de criadouros do Aedes aegypti, e o descarte correto de objetos inservíveis. Só no primeiro semestre deste ano, o Programa de Combate às Arboviroses contabiliza 586.307 imóveis visitados e 105.286 depósitos tratados.

A Semus também realiza continuamente o aprimoramento dos fluxos de atendimento em arboviroses, com a atualização dos profissionais para investigação, notificação e manejo clínico de casos suspeitos e confirmados. Este ano, até o mês de agosto, foram confirmados laboratorialmente 827 casos de dengue, 1.018 de chikungunya e 16 de zika, em São Luís.

O secretário municipal de Saúde, Joel Nunes, diz que a participação da população é fundamental. “A Prefeitura desenvolve muitas ações de vigilância, investe na qualificação da rede municipal para o diagnóstico e a assistência, mas os criadouros do Aedes aegypti estão principalmente nos domicílios, por isso, cada cidadão deve assumir uma postura de combate ao mosquito”, afirma.

Parte importante do trabalho do Programa de Combate às Arboviroses da Semus acontece por meio de atividades educativas com palestras e rodas de conversa em unidades de saúde, escolas, empresas e espaços públicos, onde a população é conscientizada sobre sua responsabilidade no combate à dengue, chikungunya e zika.

DICAS PARA COMBATER A DENGUE

• Manter baldes, caixas d´água e recipientes que acumulem água sempre bem tampados.

• Guardar garrafas e depósitos com a boca virada para baixo

• Acondicionar o lixo em sacos fechados

• Limpar frequentemente calhas, tanques e toneis

• Não jogar lixo em terrenos baldios

• Furar latas de alumínio antes de descartar

1 visualização0 comentário

Comments


bottom of page